Buscar
  • drathamaraendocrino

Hipotireoidismo - o que você precisa saber?

Atualizado: 2 de Mai de 2020

Hipotireoidismo é a anormalidade da tireoide que resulta em baixa produção hormonal. É a doença mais comum da tireoide, mais frequente em mulheres, em pessoas com histórico familiar da doença ou que possuam doenças auto imunes.


Sinais e sintomas de hipotireoidismo:

- Cansaço, lentidão, sonolência excessiva

- Depressão

- Sensação de frio

- Discreto ganho de peso (2 a 4 kg)

- Pele e cabelo secos, unha quebradiça

- Constipação

- Irregularidades menstruais ou dificuldade de engravidar

- Dislipidemia

- Alterações cardiovasculares

- Coma mixedematoso (caso grave de hipotireoidismo sem tratamento)


Causas:

Dentre as mais comuns em adultos destaca-se a Tireodite de Hashimoto, em que o sistema imunológico ataca e danifica a tireoide. Pode também ser causado pelo tratamento com iodo radioativo, por cirurgia tireoideana e por alterações hipofisárias (causas raras).

Causas na infância serão abordadas em outro post.

Como diagnosticar:

É necessária dosagem sanguínea do hormônio estimulador da tireoide (TSH) e do hormônio da tireoide (T4). Em geral confirma-se hipotireoidismo quando há um TSH elevado e baixos níveis de T4. Salvo casos mais específicos que precisam de maiores investigações. Quando a causa é a Tireodite de Hashimoto, os exames podem detectar ainda os auto anticorpos que atacam a tireoide.

Pode haver também sinais de inflamação em exame de ultrassom da tireoide (não essencial para o diagnóstico!).


O hipotireoidismo é tratado com a levotiroxina, droga de escolha, que é um medicamento sintético de T4 idêntico ao T4 que a tireoide produz. Deve ser tomada em jejum de no mínimo 4h e aguardar 30-45min para ingerir alimentos ou outras medicações!

Há diversas marcas no mercado, com composições diferentes que podem alterar a maneira como seu corpo absorve a levotiroxina, por isso não é recomendado que se troque a marca caso sua tireoide pelo risco de descompensação.


Ajustes de dose, baseados nos níveis de TSH, podem ser necessários ao longo de sua vida, incluindo no período da gravidez (assunto em um post específico devido sua grande importância!).


É válido lembrar que nem todo hipotireoidismo necessita de tratamento, por isso é muito importante a avaliação de um endocrinologista!



#hipotireoidismo #tireoidebaixa #endocrinologia #ganhodepeso